Peixes Ornamentais em Aquário
Maio '04

 A Era de Aquários > Seus Aquários > Maio '04 Mês Anterior | Mês Seguinte 

Fotos e Descrições

 Aqua 1   Aqua 2   Aqua 3   Aqua 4 

405gustavo1.jpg (22kb)

Maio '04 - Aquário Plantado Aberto de 750 L do Gustavo Pereira. (Brasil)

Este aquário do Gustavo é tão longo (3 metros) que uma composição de 3 fotos separadas foi necessária para produzir a imagem do aquário inteiro acima! O aqua já é bem conhecido do pessoal do nosso forum, foi batizado de 'Gigante Plantado' e serviu de inspiração para o tema deste mês.

Proprietário:Gustavo Pereira, 29 anos, do Rio de Janeiro - RJ, 15 anos de aquarismo.
Montagem:Dezembro 2002.
Dimensões:300x42x60 cm.
Volume: 750 litros (nominal), ~560 litros (efetivo estimado).
Filtragem:2x Fluval 304 com Perlon e Biomax.
Iluminação:3x150 W HQI's Venture 6500 K. Fotoperíodo de 9 horas/dia.
Substrato:3 cm de barro vermelho, 1 cm de terra preta vegetal, 5 cm de areia lavada de construção, peneirada para manter a granulometria entre 2 e 5 mm.
Decoração:Apenas 1 tronco grande.
Outros:Cilindro de CO2 hospitalar de 2 kg (dura de 4 a 5 meses). A difusão é feita por um dos Fluvais, com uma pedra porosa posicionada exatamente na entrada do filtro. O período de injeção é igual ao fotoperíodo, ou seja de 12:00 a 22:00. O Fotoperíodo é controlado por timer digital. A temperatura só é monitorada por um termômetro digital.
Água: Temp. 28ºC; pH 6,2; KH 2; GH ~0.
Fauna:Não dá pra saber mais ao certo as quantidades de certas espécies que estão no aqua. alguns peixes de cardume morreram e não dá pra contar as quantidades exatas, segue uma estimativa: 9 Discos (2 Red Turquesas, 3 Turquesas estriados, 1 Turquesa Sólido, 1 Pérola, 1 Azul selvagem, 1 Heckel Selvagem), 15 Rodostomus, 6 Neons Cardinais, 7 Mato-grossos, 1 Apistogramma Cacatuóides, 4 Tetras Colombianos, 5 Rasboras Arlequim, 3 Corydoras Sterbai, 10 Tanictis, dezenas de Platys (que eu não consigo tirar do aqua e cada vez reproduzem mais!).
Flora:Atualmente: Rotala macrandra, Sagittaria subulata, Mayaca fluviatilis, Didiplis diandra, Glossostigma elationoides, Cryptocoryne wendtii, Blyxa japonica, Microsorum pteropus, Microsorum pteropus 'Windelov', Rotala wallichi, Vesicularia dubyana, Hygrophila difformis, Eleocharis minima, Alternanthera reinicki 'Lilacina', Alternanthera reinicki 'Lilacina cobre', Heteranthera zosterifolia, Sagittaria platyphila, Eusterallis stelata, Nuphar japonica.
Manutenção:Troca de 40% da água e podas das plantas a cada 15 dias. Não faço mais fertilização líquida (tentei no início mas houve um boom de algas). Limpeza de um dos fluvais a cada 15 dias. Recarga do CO2 a cada 4 ou 5 meses. Limpeza dos vidros semanal. Alimentação dos peixes 2 vezes por dia (pela manhã e a noite)
Comentários:Este aquário é um motivo de orgulho pra mim. Foi um verdadeiro "projeto" que me tomou muito tempo de estudo e planejamento. O objetivo principal era montá-lo sem gastar rios de dinheiro, por isso decidi que eu mesmo colaria os vidros (estudei bastante e conversei com bastante gente experiente antes de tomar essa decisão). Além disso optei por uma bancada de concreto, já que um móvel de madeira sairia muito caro. Por último decidi que ele não teria tampa e seria iluminado por HQI's fixadas diretamente nas paredes a 30 cm da linha d'água. Estas opções tornaram o projeto economicamente viável para mim. O Substrato de terra e barro foi uma experimentação e também uma solução de baixo custo. A terra vegetal é livre de adubos e fertilizantes, assim como o barro. A areia lavada, após peneirada mostrou-se uma camada superficial ideal, já que não é muito compacta como a areia de filtro de piscina e é muito fácil para plantar. O problema foi peneirar mais de 90 kg de areia.

As HQIs foram dispostas a uma altura de 30 cm de tal forma que houvesse o máximo aproveitamento do feixe luminoso de cada uma, a fim de evitar áreas de sombra. Ao contrário do que se diz sobre o tempo de aproveitamento das HQI's, após um ano de uso, já é visível um desgaste nas lâmpadas e algumas plantas rasteiras passam a não se desenvolver bem. Pretendo repor novas lâmpadas em breve. As plantas em geral se desenvolvem muito bem, porém já passei por surtos de quase todo o tipo de algas, o último deles foi uma infestação de cianofíceas que deixou o aquário com uma aparência horrível, mas o tratamento como Eritromicina resolveu o problema. Atualmente este aquário tem apenas algas pretas (petecas), atacando as plantas mais lentas (o gramado de eleocharis nunca foi bonito graças a essa maldita alga).

Atualmente a maior dificuldade que enfrento é a tentativa de eliminação de uma superpopulação de platys! Coloquei uns 3 casais logo que montei o aquário para ajudar no combate inicial às algas, hoje, após 1 ano e 2 meses de montado, os bichos já devem estar na décima geração, e retirá-los do aquário é uma taréfa quase impossível :). Estou sempre retirando muitos, mas nunca acaba! Quem se aventurar a montar um aquário como esse deve pensar 200 vezes antes de introduzir uma espécie de peixe que pode vir a causar problemas, porque retirar os peixes depois será muito díficil!

Outro problema são as trocas de água e as podas. É preciso planejar muito bem as trocas de água de um aquário desse porte, pois o trabalho pode se tornar hérculeo. Eu não planejei bem, e hoje, cada troca parcial mais a poda das plantas chega a me tomar até 6 horas ou mais. Não é tarefa fácil manter um bicho desses sempre bonito, é preciso dedicação e principalmente comprometimento. Quem não se imagina perdendo dois dias inteiros por mês cuidando de aquário é melhor nem se arriscar. Mas quem topar o desafio, pode crer que será recompensador!

Se você quiser fazer uma submissão para Aquário do Mês, contate-me.

405gustavo2.jpg (21kb)

Colegas visitantes admirando o Gigante Plantado do Gustavo

Fotos tiradas por Gustavo Pereira e mostradas aqui com a sua permissão.
 Aqua 1   Aqua 2   Aqua 3   Aqua 4 




oF <=> oC in <=> cm G <=> L