Peixes Ornamentais em Aquário

Betta Carioca

 A Era de Aquários > Histórias Curiosas História Anterior | Próxima História 

Texto

Comentário

Há mais ou menos uns 22 anos atrás, eu com meus 14 anos na época estava acostumado a pegar peixes nos rios com peneira de construção (passando nas plantas na borda do rio). Fazia isso no sítio do meu tio em Papucaia - RJ. Porém, passava os verões em Rio das Ostras, cidade litorânea. Fiquei sabendo que havia um açude onde muitos iam pescar e resolvi dar um pulo por lá para tentar a sorte com a peneira. No açude só havia de interessante algumas piabinhas meio esverdeadas, o que me decepcionou muito.

Na volta para casa, passamos por um charco bem pantanoso e resolvi tentar por ali, só por curiosidade. Qual não foi a minha surpresa ao capturar com muita facilidade vários exemplares de betta, porém na cor marrom e com as nadadeiras e o rabo com pintas brancas circuladas de preto. Havia machos e fêmeas. Eram bettas com certeza, pois os machos se enfrentavam. As fêmeas tinham a cor marrom em um tom um pouco mais fraco.

Tentei criá-los em vidros com água de poço, que naquela região é bem salobra pois minha casa ficava 50 metros da praia. Eles viveram por duas semanas apenas, pois naquela época acabei arranjando outras diversões e larguei a manutenção dos peixes de lado.

Nunca poderia imaginar que naquele charco de águas pretas poderia achar bettas com cores que eu nunca mais vi em minha vida. Retornei 6 meses depois e o charco tinha sido aterrado para construção de uma casa.

Isso vem me intrigando por 22 anos...me pergunto como esses peixes foram parar lá? Será que alguém jogou naquele pântano algum casal de bettas o que fez com que eles reproduzissem e mudassem de cor por efeito do meio em que eles se encontravam?

Contribuído por Renato Gomes
                                       

oF <=> oC in <=> cm G <=> L