Peixes Ornamentais em Aquário

Riccia fluitans
Riccia

 A Era de Aquários > Plantas de Aquário

Fotos & Comentários

Riccia_fluitans_3.jpg (35kb)
Fotografia: Rodrigo Krol

Nome: Riccia fluitans
Cuidado CascalhoIluminação
Origem: Cosmopolita
Médio Nenhum Forte

Comentário

A Riccia fluitans é uma planta de superfície, como o próprio nome já sugere, e muito útil em aquários de reprodução, pois fornece excelentes lugares para os alevinos se esconderem. Esta espécie ficou mais conhecida e difundida após os trabalhos de Takashi Amano, que utilizou a Riccia submersa, em seu "Nature Aquarium" obtendo resultado bastante surpreendente, assemelhando-se a um carpete, ou um gramado. Quando cultivada em superfície, não necessita de maiores cuidados, porém uma iluminação forte é sempre aconselhável. Quando submersa a situação é mais crítica, necessita de injeção de CO2 e iluminação forte, prefere água mole e neutra ou ligeiramente ácida. Além disso, também devemos nos preocupar em como ela vai ser fixada no fundo. Para isso podemos lançar mão de vários artifícios, como amarrá-la a um tronco ou pedra e ainda colocá-la em telas ou grades. Para a manutenção é necessário podarmos regularmente ou fazer uma nova amarria pois, com o seu crescimento, as partes superiores limitam a passagem de luz para as partes internas, causando o amarelamento dessa região, e conseqüentemente a morte dessa parte da Riccia. Com isso a tendência é se soltar de onde estiver presa e subir para a superfície. Particularmente, acho uma planta bem versátil. Tenho em meu aquário há uns 7 meses e estou bastante satisfeito, porém não a aconselho para quem quer ter plantas apenas como um complemento da decoração. Tem que estar disposto a perder um certo tempo cuidando da vegetação do aquário, além é claro de ter um aquário preparado para plantas (iluminação adequada, filtragem idem, injeção de CO2 mesmo que seja do método caseiro, etc...).

Contribuído por Fábio Yamaoka
Comentário

Como o próprio nome indica, a riccia era inicialmente uma flanta flutuante (fluitans) e só recentemente é que se começou a prendê-la a barro e usá-la como uma carpete. Não é uma planta muito resistente, e apenas com muita iluminação de boa qualidade é que ela adquire a sua espectacular cor, verde alface.

Contribuído por Francisco Mendes
Comentário

Comprei uma riccia presa a uma esponja no fundo, mas não me disseram que era de superficie. Tive uma surpresa desagradável quando, num certo dia, estava toda solta na superfície. Joguei fora a maioria, pois achava que tinham perdido a raiz e morrido. Para a minha supresa, o pouquinho que sobrou solta na flor d'agua se reproduziu e hoje ajudam os filhotinhos de guppies se esconderem no nascimento. Acabei me apaixonando por ela e aconselho a todos.

Contribuído por Marcos Paulo Barbosa
Comentário

A Riccia fluitans é uma das melhores plantas para a criação dos labirintideos que fazem seu ninho de bolhas (como bettas e colisas). Muito cuidado com os filtros externos que aspiram as plantas. Não é uma planta barata, portanto convém isolar a planta na superficie com uma rede retangular ou pequeno criadeiro e depois mantê-la isolada da cascata de entrada de água do filtro.

Contribuído por John

Tem alguma experiência para partilhar nesta página? Não precisa registrar-se para contribuir! Sua privacidade é respeitada: seu e-mail é publicado somente se quiser. Todas as submissões são revisadas antes da adição. Escreva sobre suas experiências pessoais, sem abreviações, sem linguagem de chat, usando pontuação e capitalização padrão. Pronto? Então envie seus comentários!




oF <=> oC in <=> cm G <=> L