Peixes Ornamentais em Aquário

Trichogaster trichopterus
Tricogaster Azul

 A Era de Aquários > Peixes de Aquário > Tricogaster Azul - Trichogaster trichopterus

Fotos & Comentários

Trichogaster_trichopterus_1.jpg (22kb)
Photo Credit: Blair Cockburn
Comentário

Meu primeiro contato com o Tricogaster Azul foi pescando na minha infância em Olinda, PE. Isso mesmo! Nuns córregos e manguezais próximos à minha casa tinha uma quantidade imensa de peixes, entre eles, o Tricogaster Azul, Bettas, muitos lebistes coloridos, e já peguei bem maiores que 15 cm, acho que talvez quase 20 cm. Tinham lugar de destaque no meu aquário e tanques. E minha experiencia não vai poder mais ser vivenciada pelos garotos hoje em dia, porque a área foi aterrada para exploração imobiliária e no lugar há dezenas de prédios construídos e um córrego poluido.

Contribuído por Jamison
Comentário

São peixes extremamente territorialistas e agressivos com machos da mesma espécie ou com peixes intrusos na sua área. Acabei desistindo da criação porque meu aquário estava parecendo uma arena de gladiadores, os peixes estavam todos feridos, sem nadadeiras.

Contribuído por Thales Guimarães
Comentário

Tenho um casal de tricogaster azul e eles estavam espancando todos os peixes do aqua. Eu fiquei com raiva, pois gostei muito desses peixes e tive que colocá-los no tanque de 1000 L...10 dias depois meu tanque estava cheio de filhotinhos. Os alevinos estão lá e o pai cuida deles. Se algum peixe chegar perto, é atacado com uma violência que nunca vi! Fiquei animadão com essa história, pois nunca tinha ouvido relatos de reprodução do trico e eu consegui na maior sorte do mundo! A água era verde e (por incrível que pareça) alcalina.

Contribuído por Carlos André
Comentário

O Tricogaster Azul é um peixe bastante resitente. Digo isso pois tenho dois (um casal), são os únicos que tenho desde quando comecei meu aquario há dois anos atrás, que tem 90 L. É um peixe de fácil distinção de sexo e os meus não são em nada agressivos.

Contribuído por Samuel Ferreira Cardoso
Comentário

Possuo muitos tricogasters azuis, os quais são criados juntos com kinguios, carpas, molinésias, guppy's e outros peixes menores que eles. Acho muito interessante os comentários de pessoas que taxam este peixe como agressivo ou pouco sociável, pois apesar de respeitar estas opiniões, quero frisar que jamais perdi um peixe ou vi qualquer de meus tricogaster's beliscar qualquer outro peixe, inclusive alevinos. É possível que peixes que são criados em espaços reduzidos ou com pouca oferta de comida mudem seu comportamento, isto é natural com muitas espécies, mas se você tem um espaço razoável vale a pena criar qualquer tricogaster e se conseguir reproduzí-lo (o que é bastante fácil) viverá uma experiência inesquecível. Dizem também que este peixe é encontrado na natureza apenas no suldeste da Asia, pois eu afirmo que existem soltos na natureza muitos vales (córregos) de Recife-PE, as variedades azul e cinza (marrom), como também Betta splendens (aqui chamadas de vovô). Cheguei a capturar dezenas nas enchurradas quando os córregos transbordavam e as pessoas dos bairros mais carentes chegavam a alimentar-se deles. Infelizmente há anos não encontro a variedade cinza nem mesmo em aquários. Hoje, no interior do estado, muitos criadores dizem que não existiu tricogaster cinza (marrom). [Nota do Editor: tricogásters são nativos do Sudeste Ásia, foram introduzidos pelo homem no Nordeste Brasileiro - MA]

Contribuído por Antonio Carlos
Comentário

O Tricogaster Azul é um peixe muito bonito (por possuir muitas cores brilhantes). Também é muito pacífico com outros, desde seja colocado em um aquário grande (para marcar seu território; como costuma fazer). Quando outro invade seu território rapidamente ele protege, perseguindo o peixe invasor. Percebi que ao colocá-lo em um aquário menor ele se sente muito desconfortável, por isso ele pega todo o aquário como seu território e chega a proteger tanto que ao colocar mais peixes ele pode até matar. Tirando isso é um bom peixe, mas nunca cheguei a procriar. Em meu aquário deixo a temperatura por entre 24°C a 28°C. Vive em aguas neutras (pH 7.0).

Contribuído por Lucas Trettel
Comentário

A reprodução do tricogaster azul começa quando juntamos machos e fêmeas, o ideal são três delas para cada macho. A identificação de sexos é facil, pois o macho tem a nadadeira dorsal maior e pontiaguda, diferente da fêmea que é mais redonda. A temperatura pode ficar entre 21 e 30°C. Quando observar certas brigas entre eles é sinal de acasalamento, que ocorrerá dois a três dias depois. O ninho será feito de bolhas e pedaços de folhas. Quando os alevinos nascerem, não precisa tirar os pais pois não os machucam. Alimente-os com infusórios nos primeiros 15 dias e depois com ração para filhotes. Espero ter ajudado!

Contribuído por Yuri Batista Fernandes
Comentário

Tenho 3 Trichogaster trichopterus (azul) fêmeas em meu aquário de 200 litros. São peixes bastante interessantes. Dividiram o aquário em 3 partes, sendo que uma domina o lado esquerdo, outra o centro/fundo e outra o lado direito. Convivem perfeitamente bem com neons, fêmeas de Betta splendens, coridoras e molinesias negras. Ouvi dizer que eram agressivas, porém nunca observei uma Trichogaster atacar outros peixes menores ou mesmo os acarás bandeiras. Atacam somente uma à outra quando uma invade o território da outra. Mas a violência se resume a um chega pra lá.

Contribuído por Carlos Reynad

Tem alguma experiência para partilhar nesta página? Não precisa registrar-se para contribuir! Sua privacidade é respeitada: seu e-mail é publicado somente se quiser. Todas as submissões são revisadas antes da adição. Escreva sobre suas experiências pessoais, sem abreviações, sem linguagem de chat, usando pontuação e capitalização padrão. Pronto? Então envie seus comentários!



 Páginas:  1  | 2 

oF <=> oC in <=> cm G <=> L