Peixes Ornamentais em Aquário

Carassius auratus
Kinguio, Peixinho Dourado, Peixe Japonês, Telescópico

 A Era de Aquários > Peixes de Aquário > Kinguio - Carassius auratus

Fotos & Comentários

goldfish7.jpg (13kb)
Photo Credit: Amy Tran
Comentário

Eu crio kinguios há muitos anos e adoro. Eles são muito amigos, são demais. Já reparei que cada um tem sua propria personalidade: uns mais agressivos, ou melhor dizendo, se defendem e outros totalmente passivos. Varia de exemplar para exemplar. Por exemplo, os telescópios movimentam-se pouco, sendo presas fáceis. Porém são ideais para serem desenhados. Tive um Kinguio telescópio negro, que era adulto, foi atacado e morto por um cascudo em uma noite. Cuidado, não misture espécies diferentes com kinguios pois eles são totalmente indefesos. A sociedade kinguiana agradece.

Contribuído por Cristiano Gracio
Comentário

Cores brilhantes, formas interessantes e bonitinhas, espírito curioso e brincalhão, movimentos graciosos. Se assim é o animal de estimação ideal, saiba que ele existe: seu nome é Kinguio, ou peixe Japonês. Todos já devem ter visto um, seja em gravuras, filmes ou naqueles desenhos do Tom & Jerry. Sua popularidade é, de fato, incontestável. Mas não é só isso que faz do Kinguio o peixe ideal. Pra começo de conversa, ele é MUITO resistente. Isso permite, por exemplo, que possa ser criado por iniciantes na aquariofilia, sem nenhum medo. A sua principal marca é de suportar temperaturas baixas, tão baixas que outros peixes não resistiriam (resumindo, até 10ºC). Sua alimentação é simples, eles comem de tudo. Além disso, hoje existem muitas rações próprias para estes peixes. O pH também não deve ser motivo de preocupação, suporta variações desde que acostumados gradativamente, é óbvio. Apesar de muitas pessoas falarem que este peixe é bagunceiro e destruidor, eu não concordo. Como muitos peixes, desenterram plantas e mexem um pouco no cascalho. Nada mais. Você pode optar por uma decoração à base de rochas, sem plantas, ou pode substituí-las por plantas flutuantes. Quanto ao cascalho, experimente usar um de maior granulometria. Em vez de ficar prestando atenção na bagunça que ele faz, veja por outro ângulo: ele é, senão o mais, um dos peixes mais brincalhões que existem. Não se contenta em observar, tem que ir até lá e mexer. Sua curiosidade, às vezes, o coloca em confusões até engraçadas. Fica aí um convite, que só tem duas restrições. Sendo o Kinguio um peixe pacífico, não é conveniente misturá-lo a outros peixes mais agressivos. A outra restrição é tomar cuidado com altas temperaturas. Ela não pode passar dos 28ºC. Mas pode viver em até 26ºC, que é suportada perfeitamente por outros peixes tropicais.

Contribuído por Tiago Gebrim
Comentário

Tenho um aquario de 800 litros, em que só crio kinguios. Apesar da fama de sujões, estou muito feliz e satisfeito com esta raça, tanto no fator hobby como no financeiro. O aquário é gigante, mas toda a filtragem é feita por uma bomba de 2000 L/h. A água, é claro, sempre cristalina.

Contribuído por Ricardo Luis de Souza
Comentário

Tive um kinguio que viveu 4 anos. Nós compramos ele com 6 cm e tivemos que trocar o aquário 3 vezes porque ele crescia muito (chegou a 25 cm). Queríamos muito formar um casal, então comprávamos parceiras para ele mas todos os peixes que púnhamos com ele saiam machucados ou mortos. Nem cascudos escapavam, então deixamos ele sozinho. Agora tenho um kinguio com 8 cm aproximadamente, que vive super bem com espadas, platy e outros peixes.

Contribuído por Fernando Furlan Leme
Comentário

Tenho um aquário de 200 litros com 5 kinguios. A decoração é um falso marinho: substrato de pedras brancas, plantas artificiais diversas e cores diferentes, simulando um banco de corais e para completar a iluminação é azul. É a maior atração do meu apartamento e até pessoas que não conheço ficam sabendo da beleza do aquário e querem ver. A filtragem é de 1220 L/H. Sou apaixonado pelo aquarismo e pelos kinguios e não gosto de misturá-los com outras espécies, porque os kinguios já tem uma variedade de formas e cores muito grandes e que me fascina ainda mais. Eles são muito inteligentes e me reconhecem pelo vidro. Quando entro na sala ficam nadando no aquário sempre na minha direção como se fossem cães. Realmente são animais de estimação e adoram brincar quando passo o limpador magnético no vidro uma vez por semana - é muito engraçado, até parece mentira, mas quem tem estes peixes sabe o que estou falando. A temperatura é sempre de 26°C e a água está sempre cristalina, pena que não posso colocar mais kinguios no aquário pois respeito o cálculo de 40 L por peixe para aquários grandes.

Contribuído por Ismael Antolin Sola
Comentário

Sou iniciante no ramo, apenas 1 ano e meio, mas já tenho varias espécies de Kinguios (oranda, miraceo, telescópicos, perolas, riukin, etc.) criados em caixa d'água. Todos são matrizes e já desovaram mais de 5000 ovos até presente data (17/05/2005). Estes eu separo em outras caixas d'água somente para alevinos com um filtro anaeróbico (espuma) e uma pedra porosa com pouca saída de ar. Alimentação é o mais importante, pode ser dado: Náuplios de artêmia, ração de boa qualidade triturada no liquidificador e peneirada misturada com gemas de ovos cozidas e leite em pó. Limpeza do aquário também é importante para o desenvolvimento dos alevinos, não deixando detritos de alimentos ou acumulo de fezes, não se esquecendo da luz do sol que é vital para os pequeninos filhotes. Espero ter contribuído um pouco, e saiba temos que ser professor pardal às vezes, sempre inventar algo. Aquarismo é isso!

Contribuído por Adar Rodrigues
Comentário

Crio kingyos há 7 anos, nunca me arrependi, pois são as coisas mais importantes que possuo. Como estou no Japão há 9 anos e por causa do trabalho, não pude pensar em animais grandes. No Japão todos os anos são realizadas festas chamadas de matsuri onde é uma diversão pescar esses peixinhos com redes fininhas feitas de papel, um dia eu tentei e consegui: pesquei três peixinhos que tinham no máximo 3 cm. Depois de 1 ano infelizmente 1 morreu, mas agora 7 anos depois, os 2 que restaram nunca ficaram doentes e este ano reproduziram. Sinto-me muito feliz porque quando chego do trabalho sei que sempre tem alguém me esperando.

Contribuído por C. Daniela
Comentário

São os peixes mais lindos do mundo! São gulosos, bonitos, dóceis, fáceis de criar e são muito alegres, é muito bom passar um tempo olhando pra eles! Já tive (e tenho) uns 8. Dentre os vários tipos de kinguios existentes (vários mesmo) o que eu acho mais engraçado e divertido é o kinguio bolha!

Contribuído por Vitoria

Estas páginas contêm comentários suficientes para dar uma idéia básica no assunto. Comentários adicionais são muito bem vindos (pelo formulário de contato do site) desde que acrescentem algo novo e/ou avançado ainda não contido nos existentes.



 Páginas:  1  | 2  | 3  | 4 

oF <=> oC in <=> cm G <=> L