Peixes Ornamentais em Aquário

Synodontis eupterus
Sinodontis Featherfin

 A Era de Aquários > Peixes de Aquário > Sinodontis Featherfin - Synodontis eupterus

Fotos & Comentários

Synodontis_eupterus_3.jpg (27kb)
Photo Credit: Moe

Nome: Synodontis eupterus
Comp AquapHTemp
Origem: África Central
17 cm 200 L 8.0 28°C

Comentário

Tenho dois exemplares em meu aquário comunitário, os adquiri ainda bebês, com uns 3 cm mais ou menos. Já se passaram quase dezoito meses e já estão próximos dos 20 cm. São super simpáticos e sempre se aproximam da frente do aquário quando há alguém observando, principalmente seu dono. Convivem pacificamente com outras espécies ainda que muito menores que eles, tais como Tetra-Limão. Quando bebês, são muito comilões, aceitam comida seca, de todo tipo, e adoram comida viva, como lagarta da couve ou do agrião. São muito ativos, estão sempre em movimento, adoram arrancar as plantas, e com suas caudas e barbatanas bem desenvolvidas vivem detonando a decoração do tanque. São muito velozes e gostam de ouvir seu criador. São um barato!

Contribuído por Reinaldo Balan
Comentário

Comprei dois exemplares junto com dois Peixes Gato Invertidos, com aproximadamente 3 cm cada. Hoje já estão com 11 cm e 13 cm, e fazendo a maior bagunça no aquário. São de longe os mais agitados. Adoram comida em comprimidos, removem o cascalho, levantam a poeira tanto até que tive que colocar plantas com o caule mais grosso para eles não arrancarem a ornamentação do aquário. Li que eles gostam de comer peixes pequenos mas observo uma boa convivência com Rodóstomus, Tetra Buenos Aires e outros pequenos peixes que coloco no aquário. Definitivamente curto muito a movimentação deles - principalmente final da tarde e a noite - pois de dia gostam de ficar entocados.

Contribuído por Nelson Andrade
Comentário

Durante cerca de 3 meses possuí um que já vinha "incluído" num aquário que comprei num leilões da Internet. O aquário (de 94 L) tinha uma população (a meu ver) excessiva no que toca a peixes de fundo, já que o seu anterior dono não parecia dar muita importância à compatibilidade das espécies (1 featherfin, 2 botias modesta, 1 cascudo pequeno, 1 peixe gato invertido e 1 labeo albino). Enquanto ele esteve em minha casa revelou-se um peixe um pouco tímido durante o dia, que apreciava esconder-se numa gruta artifical de cerâmica que não gostava de partilhar com ninguém. Apesar das insintentes tentativas dos botias e do peixe gato invertido, ele acabava sempre por expulsar todos de lá. Apesar de tudo não me parecia que procurasse confusão deliberadamente, só não gostava era que pertubassem o seu espaço. Alimentava-se muito bem e não era esquisito. A água do meu aquário tem um pH de ~6.5 e um GH de 7. Agora encontra-se num aquário de 1,5 m (~300 L) de um amigo meu e não parece ter ou causar quaisquer problemas. Resumindo, tendo em conta o que ele já passou acho que se trata de um peixe bastante resistente, que aparenta saber defender-se e é possuidor de um beleza muito própria. O meu apenas tinha cerca de 12 cm, talvez tivesse ficado atrofiado por um tratamento pouco adequado por parte do seu antigo dono.

Contribuído por (nome não fornecido)
Comentário

Eu acho este peixe o melhor limpa-fundos pois em meu aquário comunitário de água doce tinha um, mas mudei-o para o meu aquário Amazônico. Desde aí o fundo começou a andar sujo, não por falta de limpa-fundos, pois tenho lá um plecostomus, mas ele não limpa nada. Passada uma semana de ter mudado para o aquário Amazonico, tive de adquirir outro synodontis para o comunitário de água doce. Senão o fundo ficava sujo a ponto dos outros peixes morrerem.

Contribuído por Francisco Miguel
Comentário

Peixe de uma beleza exuberante. Possuo um exemplar há uns três meses. Logo que pus no meu aqua comunitário expulsou da toca duas cobras Kuhlis que lá habitavam. Venho observando que se alimenta com muito vigor e está crescendo rapidamente, ficando desconfortável seu atual esconderijo.

Contribuído por Rodrigo Brito
Comentário

Possuo três exemplares desta espécie. Comprei-os há cerca de dois anos com 3 ou 4 cm no máximo, hoje são os donos do aquário com os seus majestosos 15 a 20 cm. Nadam com uma calma, exibindo as suas barbatanas, com mais evidência para a barbatana dorsal. Revelaram-se muito territoriais, escolhendo um local abrigado da luz, contudo sempre que a luz se apaga fazem sentir a sua presença em todo o aquário. São incrivélmente calmos e nunca os vi atacarem deliberadamente outros animais do aquário. Defendem o seu espaço mas são bastante tolerantes com todos os diversos habitantes do aquário.

Contribuído por Ricardo Curto

Tem alguma experiência para partilhar nesta página? Não precisa registrar-se para contribuir! Sua privacidade é respeitada: seu e-mail é publicado somente se quiser. Todas as submissões são revisadas antes da adição. Escreva sobre suas experiências pessoais, sem abreviações, sem linguagem de chat, usando pontuação e capitalização padrão. Pronto? Então envie seus comentários!




oF <=> oC in <=> cm G <=> L