Peixes Ornamentais em Aquário

Carnegiella strigata
Borboleta

 A Era de Aquários > Peixes de Aquário > Borboleta - Carnegiella strigata

Fotos & Comentários

Carnegiella_strigata_2.jpg (15kb)
Fotografia: Bart Geboers

Nome: Carnegiella strigata
Comp AquapHTemp
Origem: Peru, Guiana
4 cm 60 L 6.5 25°C

Comentário

O borboleta é um peixe frágil, 99% das vezes capturados. A adaptação ao aquário é realmente difícil, mas passado os primeiros meses, o borboleta vive sem dificuldades. Um aquário densamente plantado ajuda na adaptação, e plantas flutuantes podem diminuir o estresse. Apesar de preferir partes sombreadas, não passa o tempo inteiro escondido. Muito pelo contrário, é a sua atividade contínua que os leva à morte. Como regra geral, os borboletas saltam. Acostumados a pequenos vôos por cima do espelho de água para se alimentar, brincar entre si e desovar, acabam parando no chão se o aquário não for bem tampado. Devem ser mantidos em grandes cardumes de pelo menos 10 exemplares.

O seu jeito de nadar é muito peculiar, e é gracioso ver os seus pequenos vôos. Se o aquarista ficar imóvel poderá ver o peixe colocando os olhos e a boca acima da superfície. Os Acarás Banderias têm um olhar cheio de segundas intenções sobre esses peixinhos, portanto cuidado. Devem ficar em água de pH ácido, perto de 6,6. Aconselho que só seja comprado por quem pretende dar atenção especial ao peixinho. A boca diminuta requer cuidados, mas o borboleta não tem problemas como alimentação. Ração esfarelada é eficiente, contanto que fique tempo o suficiente flutuando.

Contribuído por Carlos Eric
Comentário

Da família dos Caracídeos, este peixe é originário da região amazônica, sendo de difícil aclimatação, pouco resistente, preferindo um ph ligeiramente ácido, e a temperatura entre 25 a 30 graus centígrados. Sua reprodução é possível em aquários, não havendo diferença aparente de sexo. Alcança em média 5cm, e se alimenta de tubífex, larvas de mosca, alimentos secos, daphnias e cíclopes.

Contribuído por Ricardo Mourão
Comentário

Há uns 3 anos, comprei numa loja aqui em Valinhos (SP) 4 exemplares de um peixe com as mesmas características da foto, só que ele é prateado e com uma listra horizontal no corpo . Não sei se são borboletas, mas me foram vendidos como tal (nota do editor: deve ser a Borboleta Prateada - Gasteropelecus sternicla). Eles se mostraram bastante resistentes, mesmo quando o aquecedor do aquário "enlouqueceu" e elevou a temperatura para mais de 40 graus. 2 deles estão comigo até hoje (eu queria comprar mais, só que não acho mais nas lojas). Quanto às características do aquário, eles estão num aquário de 70 litros, com pH levemente ácido, junto com 1 cascudinho, 14 neons cardinais, e 6 matogrossos. Eu os alimento somente com Tetra-min. Eles têm costume de dar saltos, tanto que perdi 2 exemplares quando eles pularam do aquário e eu não estava por perto pra salvá-los. Eles estão com aparência muito saudável e, quanto ao comprimento deles, um está com cerca de 5 cm e o outro com uns 7 cm (não sei se é normal, mas eles estagnaram neste comprimento).

Contribuído por I.R.V.
Comentário

Peixe muito curioso, capaz de voar em busca de alimento, em seu habitat natural. Mantenha portanto o aquário muito bem tampado, pois na menor abertura, ele poderá pular em busca de um mosquitinho, pois é um campeão em saltos.

Contribuído por Sergio Fusuma
Comentário

Tenho dois exemplares desse peixe, aqui em Manaus - AM, e estão muito bem. Mesmo com um pH de 7,2 estão se alimentando sem problemas e muito saudáveis. Estão sempre na superfície e às vezes quando os estou alimentando, pulam em direção à minha mão.

Contribuído por César Augusto
Comentário

Nós temos 5 borboletas em nosso aquário comunitário (de 220 L). Eles convivem pacificamente com todos os outros peixes (neon, rodóstomo, bandeira, cruzeiro e coridora). Mantêm-se sempre na superfície, e é aconselhável tampar bem o aquário (pois eles pulam com muita facilidade). São bonitos, calmos e muito diferentes. Acreditamos que é bom sempre estarem em cardume.

Contribuído por Fernanda e Mauro



 Páginas:  1  | 2 

oF <=> oC in <=> cm G <=> L