Peixes Ornamentais em Aquário

Hyphessobrycon erythrostigma
Rosáceo

 A Era de Aquários > Peixes de Aquário > Rosáceo - Hyphessobrycon erythrostigma

Fotos & Comentários

Hyphessobrycon_erythrostigma_2.jpg (31kb)
Fotografia: Ron Lutz

Nome: Hyphessobrycon erythrostigma
Comp AquapHTemp
Origem: Bacia Amazônica, Peru
8 cm 100 L 6.8 25°C

Comentário

Rosáceo é um nome dado a vários tetras. Neste caso fica fácil identificar a espécie pela mancha vermelha no corpo, seu "bleeding heart", e uma faixa de rosa intenso que se estende por toda o corpo (linha lateral), mais visível a partir do "coração". É recomendável colocá-los em cardumes de 6-8 indivíduos. É considerado um tetra de porte médio, pois chega aos 7 cm facilmente. O macho é maior que a fêmea, possui a nadadeira dorsal um pouco maior e mais afilada - forma de foice - que a da fêmea. A nadadeira anal pode apresentar um gancho, sendo bem desenvolvida, mas é difícil diferenciar os sexos por este detalhe. Nas lojas a coloração é transparente, meio amarelada. Apesar de chamado rosáceo, este peixe fica com um forte colorido marrom (bem escuro) com reflexos rosas pelo corpo. Este rosa é mais visível no macho, que tem um colorido de dar inveja nas fêmeas. É um peixe indicado para iniciantes, pois resiste a variações de pH, temperatura e mesmo índices de amônia. O ideal é manter o pH próximo ao neutro. Ele gosta de luz intensa, não costuma demonstrar timidez, vive muito bem entre peixes da mesma espécie e/ou em aquários comunitários. É fácil vê-lo próximo ao cascalho, no nível médio ou perto da superfície. A alimentação varia desde flocos até comida vida, sem frescuras. A maioria dos tetras prefere esperar a comida afundar do que pular na superfície para pegá-la, mas com o passar do tempo este hábito tende a desaparecer. Aconselho escolher um local do aquário, mergulhar a mão e esfarelar a comida. Se for comida viva pode ser dada diretamente com uma pipeta. Vale lembrar que a coloração do peixe é um indicador de saúde e adapatção. Colorido esmaecido é sinal de más condições no aquário.

Contribuído por Carlos Eric
Comentário

São peixes muito ativos e resistentes. Ao serem introduzidos em um novo aquário, só nadam juntos. Com o tempo, ao se ambientarem, começam a deixar seus companheiros um pouco de lado em alguns momentos. Gostam de nadar por todo o aquário mas às vezes preferem ficar escondidos entre as plantas. É importante não deixá-los com peixes muito lentos ou, se for inevitável, acompanhar estes na hora da alimentação, pois os Rosáceos são extremamente rápidos na "hora do almoço".

Contribuído por Neuman Guimarães
Comentário

São peixes muito bonitos e resistentes, pena que aqui onde moro é difícil de encontrar. Tenho alguns exemplares que estão comigo há mais de 2 anos e nunca mais achei pra comprar. São idênticos aos meus mato grossos em comportamento, andam em cardume juntos, só muda a cor.

Contribuído por Cleiton dos Reis
Comentário

Tenho 8 rosáceos, que vivem com outros tetras. São muito coloridos, com grandes variações individuais: Alguns são completamente rosáceos com a nadadeira anal vermelha, ou branca na base e vermelha na ponta, ou ainda branca na base e preta na ponta. Um deles ainda apresenta a metade superior do corpo num tom verde limão. Se alimentam com vontade, e o cardume todo parece atacar a comida como as piranhas. Estão sempre impondo domínio sobre as espécies menores, mas têm problemas com o tetra negro.

Contribuído por Raphael Motizuki
Comentário

Possuo 4 rosáceos em um aqua 100 L, que dividem esse esaço com barbos ouro, um labeo e outros peixes. São muito pacíficos, mas admito que me preocupo com eles às vezes, pois na minha frente eles não comem, então quando eu saio, nunca tenho a certeza de que comeram.

Contribuído por Pedro H.
Comentário

O Rosáceo é extremamente ativo. Sua coloração transmite o quanto está adaptado ao aquário e sua comunidade. Procure não inserí-lo junto a peixes lentos. No meu caso, percebi que estavam mordiscando as nadadeiras de meus discos, e não era por falta de alimentação. Gostam de cardumes. Se não tiverem companheiros de sua espécie, juntam-se facilmente a outros tetras.

Comentário

São mesmo muito ativos, ficam correndo por todo o aquário. Os meus se juntaram com o cardume de rodostomos e se dão muito bem. Mantenho também bandeiras no mesmo aquário. Nunca chegaram a mordiscar eles, até agora. São peixes lindos e rápidos, os meus tem uma forte tonalidade marrom e estão com uns 4 cm.

Contribuído por Murilo Moreto

Tem alguma experiência para partilhar nesta página? Não precisa registrar-se para contribuir! Sua privacidade é respeitada: seu e-mail é publicado somente se quiser. Todas as submissões são revisadas antes da adição. Escreva sobre suas experiências pessoais, sem abreviações, sem linguagem de chat, usando pontuação e capitalização padrão. Pronto? Então envie seus comentários!




oF <=> oC in <=> cm G <=> L