Peixes Ornamentais em Aquário

Balantiocheilus melanopterus
Bala Shark

 A Era de Aquários > Peixes de Aquário > Bala Shark - Balantiocheilus melanopterus

Fotos & Comentários

bala3.jpg (32kb)
Fotografia: Marcos Avila

Nome: Balantiocheilus melanopterus
Comp AquapHTemp
Origem: Tailândia, Sumatra, Bornéu
36 cm 500 L 7.1 26°C

Comentário

"Resistente" e "pouco exigente" são boas palavras para descrever os Bala Sharks, mas pode levar algum tempo até eles ficarem confortáveis em um aquário novo, durante o qual deve-se tomar cuidado para que eles não pulem para fora. Eles estão entre os peixes mais bem humorados que você pode arranjar. Tudo parece estar sempre bem para eles, não importa em que tipo de água você os coloca ou o que você quer alimentá-los. Mais do que isso, eles são totalmente pacíficos e muito ativos, passando a maior parte do tempo procurando comida pelo tanque todo. Mas cuidado, eles crescem MUITO e só sentem-se seguros em grupos, portanto um aquário grande é recomendável (500 L ou mais). É daqueles peixes que o aquarista consciente precisa resistir à tentação de tê-los enquanto não tiver condições de realmente cuidá-los a longo prazo. Os meus 3 levaram apenas 1 ano para ficarem grandes demais para um aquário de 100x50 cm, começaram a ficar incomodados, assustados e se machucando ao bater nos vidros e decoração. Movidos para um aquário de 150x60 cm, voltaram a ficar calmos e em 3 anos já estavam com uns 25 cm, corpo perfeito e barbatanas enormes (veja foto). Infelizmente perdi o trio num acidente neste aquário. A reprodução em aquários domésticos é praticamente impossível, já que na natureza o casal sai em disparada lado a lado, batendo o corpo um contra o outro enquanto a fêmea solta os ovos e o macho os fertiliza. Eu vi os meus ensaiarem a dança do bate-corpo, mas não vai além disso...o aquário precisaria ter uns 10 metros para ganharem a velocidade necessária e fazer direito.

Contribuído por Marcos Avila
Comentário

Eu tenho 3 deles no meu aquário, que eu chamo de "mata aquática"...tem muita planta! Eles são os peixes mais interessantes que tenho lá. Além de espertos, parecem uns tubarões...até no jeito de nadar, não ficam quietos. Às vezes parecem que vão quebrar o vidro, pois eles dão uma bocada pra comer algas e parece mais um monte de pedra batendo contra o vidro. Dá pra assustar quando se está quase dormindo, mas acaba acostumando!

Contribuído por Rafael Puccinelli
Comentário

Peixe muito bonito, ativo e pacífico. Aceita qualquer tipo de comida e adora artêmias. Tenho 4 Bala Sharks em casa em um aquário comunitário grande. No decorrer de 3 anos, vi eles crescendo bastante e aprendi que eles gostam de plantas e troncos no aquário.

Contribuído por Carlos Wenceslau
Comentário

Bala Shark...uma história triste! Perdi um recentemente com 25 cm, seis anos e sete meses após sua compra. Como? De uma maneira bem dificil de ser evitada: assustado, bateu com a cabeça (a parte superior é bem frágil) violentamente no vidro do aquário e sofreu algum tipo de traumatismo. Esse peixe tinha uma característica interessante: a parte superior de sua nadadeira caudal era menor que a inferior. Essa assimetria permitia distinguí-lo facilmente do outro que ainda permaneceu no aquário (comprado há cerca de cinco anos). É um peixe de fácil manutenção em aquário, apesar de ser muito assustado. Come de tudo, mas adora espinafre cozido.

Contribuído por Alvaro Pinto
Comentário

Eu tenho dois deles num aquário com muitas plantas. São os peixes mais ativos em meu aquário, comem de tudo sempre com uma voracidade maior do que a dos outros peixes. O que mais me encanta nesse peixe é a sua forma de nadar. Comem de tudo, procuro variar ao máximo a alimentação.

Contribuído por Luciano da Costa
Comentário

Eu já tive Bala Sharks e eles (todos) tem um tipo de costume de nadar rapidamente pelo aquário e de repente bater com a cabeça contra o vidro! Aparentemente ele parece ter morrido mas depois de algum tempo ele volta a nadar! Costume da raça devido ao confinamento em aquários pequenos, principalmente à noite. Seu Bala Shark pode não ter morrido e sim desmaiado!

Contribuído por Renato Garcia



 Páginas:  1  | 2 

oF <=> oC in <=> cm G <=> L