Peixes Ornamentais em Aquário

Potamotrygon motoro
Arraia Motoro, Arraia Ocelada

 A Era de Aquários > Peixes de Aquário > Arraia Motoro - Potamotrygon motoro

Fotos & Comentários

Potamotrygon_motoro_1.jpg (27kb)
Fotografia: William Cairo

Nome: Potamotrygon motoro
Comp AquapHTemp
Origem: América do Sul
90 cm 1000 L 6.7 25°C

Comentário

Espécie extremamente bonita e de comportamento interessante. Mantive uma fêmea de Arraia Motoro por um ano em meu aquário amazônico comunitário, sem maiores problemas. O único inconveniente da espécie é a alimentação. Apesar de devorar rapidamente peixes pequenos e camarões vivos, a Motoro não aceita muito bem rações industrializadas, dificultando sua manutenção. Outros alimentos recomendados são as carnes magras (peixe, camarão, mariscos, frango, coração de boi) e as minhocas vivas inteiras. Não deve ser mantida com peixes mordiscadores, pois é bastante suscetível a fungos, e a infestação destes nas lesões pode rapidamente levá-la à morte. Além disso, como todos os peixes cartilaginosos, é EXTREMAMENTE sensível ao cobre e seus compostos.

Contribuído por Daniel Machado
Comentário

A arraia motoro é um peixe fascinante, de comportamento muito particular. É bastante pacífica, o que não quer dizer que não comerá todos os peixes pequenos que estejam ao seu alcance. Eu a mantenho num aquário de 600 L com um substrato de areia fina, de modo que possa se enterrar. A alimentação é um pouco exigente, apenas aceita vermes (minhocas) e peixes pequenos. Deve considerar que tem um apetite voraz pelo qual consome grandes doses de alimento, por conseguinte é necessária uma filtração mecânica potente. Deve-se ter cuidados com o ferrão que pode causar feridas dolorosas, mas apenas utiliza-o em casos extremos. A arraia parece reconhecer à pessoa que a cuida, dado que come da minha própria mão. É um peixe muito recomendável, mas para aquaristas com esxperiência dado que requerem bastante atenção.

Contribuído por Cristian Lau
Comentário

Tive uma fêmea, pelo que sei. Ela veio bem pequena. O meu aquário tem 200 L e ela se adaptou muito bem. Estava com uma Arraia-pintada, que, infelizmente, resistiu pouco. Comia demais e adorava o patê de coração bovino, além de outras comidas que chegavam ao fundo do aquário, porém, não suportava artêmias. Pegava tenébrios com muita voracidade, assim como pequenos peixes mortos que sumiam na sua imensa boca. Quando o alimento era maior, conseguia cortar em pedaços para comê-lo aos poucos, envolvendo-o com seu corpo e fazendo o trabalho com a boca. Os peixes pequenos sumiam à noite. Assim, não seria ideal colocá-la junto com peixes pequenos e muito lentos. Já com meus Apaiaris Albinos, que chegaram depois, ela se comportou muito bem, e até pareciam bem entrosados, porém eu gastava uma boa grana com comida. Também aceitou bem a companhia dos cascudos. A Arraia Motoro é um animal magnífico, que reconhece o dono, porém, é preciso cuidado com o manejo, já que o ferrão pode causar ferimentos que doem muito. No aquário, ela tinha um imenso espaço livre para nadar, e as plantas ficavam nas laterais, com um tronco formando uma gruta onde ela se abrigava da luz. O substrato que usava era de areia fina, onde ela podia se enterrar e ficar apenas com os olhos aparecendo. Muito resistente a doenças, então, quando bem adaptadas, vivem longos anos em aquários bem manejados e recebendo uma alimentação de qualidade.

Contribuído por Bruno Brum

Tem alguma experiência para partilhar nesta página? Não precisa registrar-se para contribuir! Sua privacidade é respeitada: seu e-mail é publicado somente se quiser. Todas as submissões são revisadas antes da adição. Escreva sobre suas experiências pessoais, sem abreviações, sem linguagem de chat, usando pontuação e capitalização padrão. Pronto? Então envie seus comentários!




oF <=> oC in <=> cm G <=> L